Stock Car: Em Santa Cruz do Sul, Rafael Suzuki se recupera e pontua pela quarta vez seguida na Stock Car

Santa Cruz do Sul recebeu neste fim de semana a nona etapa da temporada 2014 da Stock Car. Na manhã deste domingo (28 de setembro), Rafael Suzuki repetiu a boa atuação do início do campeonato no circuito gaúcho, se recuperou ao sair do fim do grid e ganhou nove posições para pontuar pela quarta vez seguida no seu ano de estreia na categoria. A rodada dupla foi bastante movimentada e acidentada, mas o piloto da ProGP foi um dos ‘sobreviventes’ da disputa, apesar de enfrentar problemas de equilíbrio no seu carro, e conseguiu driblar as adversidades ao fazer uma corrida de superação para chegar em 18º, além de ficar a apenas 0s010 de pontuar de novo na segunda prova da etapa.

Na tomada de tempos da tarde do último sábado, Rafael não contou com o acerto ideal de seu carro #8 e obteve o 27º lugar no grid. Desde então, o foco do piloto e da equipe ProGP estava em encontrar uma boa estratégia e também em melhorar seu equipamento visando uma rodada dupla exigente no seletivo circuito gaúcho.

Na manhã encoberta deste domingo em Santa Cruz do Sul, Suzuki foi conservador na largada para evitar problemas e iniciar sua recuperação. O piloto lidou como uma série de dificuldades na pilotagem do seu carro, que estava muito dianteiro. Ainda assim, Rafael foi ganhando posições e ainda tirou proveito de incidentes que ocorriam à sua frente. Durante a janela de pit-stops, o paulista radicado no Maranhão chegou a andar em quinto antes de fazer sua parada. Com as posições restabelecidas, Suzuki consolidou sua recuperação e terminou em 18º.

A corrida 2 foi tão movimentada e acidentada quanto a primeira, mas o tempo de prova foi bem menor e abreviado por uma falha no sinal na largada e por duas entradas do safety-car. Suzuki conseguiu fazer boas ultrapassagens, duelou com o pentacampeão Cacá Bueno e tirou proveito dos acidentes dos adversários, mas não havia tempo para fazer muito mais. Rafael fechou a corrida em 15º, apenas 0s010 atrás de Cacá e da zona de pontuação.

Após a etapa deste fim de semana em Santa Cruz do Sul, a Stock Car faz uma pausa de pouco mais de um mês em virtude das eleições no Brasil e entra na reta final da temporada 2014 a partir de 2 de novembro, quando a categoria retorna ao Rio Grande do Sul para a disputa da 10ª etapa do ano, no veloz circuito de Tarumã.

Rafael Suzuki:

“Para a primeira corrida, não tínhamos um ritmo bom, meu carro escapava muito de frente nas curvas de alta, e isso dificultava a aproximação para ultrapassar. Procurei evitar acidentes, fomos cautelosos no pit-stop e pensamos no combustível para as duas provas. Na corrida 2, o carro e o ritmo melhoraram, mas o safety-car em mais de 50% da prova atrapalhou nosso plano de fazer a estratégia funcionar e ganhar posições em tempo para pontuar novamente.”

Jornalistas responsáveis
Mariana Viegas / Fernando Silva

Stock Car: Rafael Suzuki otimista em bom resultado por já conhecer a pista de Santa Cruz do Sul

A Stock Car permanece no Rio Grande do Sul para realizar a nona etapa da temporada 2014 neste fim de semana (26 a 28 de setembro). Depois de correr no Velopark, na zona metropolitana de Porto Alegre, há duas semanas, os pilotos da principal categoria do automobilismo brasileiro vão disputar uma nova rodada dupla em Santa Cruz do Sul. Devido a algumas alterações no calendário, o técnico circuito do interior gaúcho volta a receber a Stock Car, algo bem visto por Rafael Suzuki. Foi lá que, já na segunda corrida do ano, o novato da ProGP obteve rápida adaptação e pontuou pela primeira vez em sua temporada de estreia. Depois de emendar uma sequência de três etapas figurando na zona de pontuação, Suzuki acredita que tem condições de manter a ascensão e evoluir ainda mais nesta fase final do campeonato.

Para o paulista radicado no Maranhão, voltar a uma pista conhecida é algo positivo em seu primeiro ano na categoria, por já iniciar o fim de semana em outro patamar. Assim, a expectativa é ter, em Santa Cruz do Sul, seu melhor resultado até agora. Sem esconder o apreço pelo traçado de 3.531 metros, Rafael entende que o circuito exige atenção especial no acerto do carro, por causa das constantes mudanças de temperatura na região.

Após oito provas, Átila Abreu lidera o campeonato com 145,5 pontos, contra 139 de Rubens Barrichello. Cacá Bueno segue na briga, com 127, seis a menos que Sergio Jimenez. Thiago Camilo fecha o top-5, com 106,5.

Rafael Suzuki:

Santa Cruz do Sul
“Gosto da pista de Santa Cruz do Sul: a primeira parte é um mix de freadas fortes e baixa velocidade, já a segunda é composta por curvas de alta. Essas características, aliadas ao fato de que as temperaturas variam muito durante o mesmo dia, exigem uma atenção ainda maior no acerto do carro. Espero ter um fim de semana positivo e ser competitivo desde o primeiro treino livre, por já conhecer a pista. Assim, tenho certeza que teremos chances de figurar mais vezes no top-10, top-15, e somar mais pontos.”

Temporada
“Tenho aprendido bastante em termos técnicos, e espero colher os resultados em breve. Esse ano perdemos muitos pontos com abandonos, principalmente nas rodadas duplas, e isso nos custou uma posição melhor na tabela. Mas também tivemos bons momentos como a corrida de Cascavel (em que larguei no top-10 e terminei no top-15). Quero ir bem nessa fase final do campeonato, já pensando em 2015.”

Programação da 9ª etapa da Stock Car 2014 em Santa Cruz do Sul:

Sexta-feira, 26 de setembro:
14h20 às 15h – Treino Livre 1 – 1º Grupo
15h10 às 15h50 – Treino Livre 2 – 2º Grupo

Sábado, 27 de setembro:
9h às 10h – Treino Livre 2 – 1º Grupo
10h10 às 11h10 – Treino Livre 2 – 2º Grupo
14h às 15h – Classificação

Domingo, 28 de setembro:
10h05 – 1ª corrida (40 minutos + 1 volta)
11h13 – 2ª corrida (20 minutos + 1 volta)

Jornalistas responsáveis
Mariana Viegas / Fernando Silva

Gasolina na veia galera!

Fórmula Full irá apoiar o piloto Rafael Suzuki na Stock Car

É com muita alegria que anuncio a parceria com o piloto Rafael Suzuki da Stock Car Brasil.

O piloto, do qual já tive a honra de entrevistar, está em franco desenvolvimento na categoria, e como já ocorrera no Japão, quando por lá eu vivia e fiz a cobertura de alguns eventos na carreira do piloto, a cobertura irá se repetir, principalmente através do Formula Full.

Boa sorte Rafael, e que nossa parceria, que vai incluir divulgação de seus resultados, newsletter, entrevistas e demais novidades que serão divulgadas futuramente.

Segue aqui o newsletter do dia 14 de setembro de 2014:

No Velopark, Rafael Suzuki enfrenta problema nos freios, mas pontua pela 3ª vez seguida na Stock.

Rafael Suzuki vem evoluindo gradativamente em sua temporada de estreia na Stock Car. Neste fim de semana, no circuito gaúcho do Velopark, o piloto da ProGP deu mais uma amostra do seu crescimento na principal categoria do automobilismo brasileiro. Mesmo largando do fim do grid e tendo de lidar com um problema no sistema de freios em toda a rodada dupla, o paulista radicado no Maranhão conseguiu fazer corridas consistentes neste domingo (14 de setembro) para pontuar pela terceira vez consecutiva em um campeonato extremamente equilibrado.

No sábado, Suzuki enfrentou uma falha na suspensão e teve dificuldades para encontrar o melhor acerto do seu carro #8 no Velopark. Como o circuito é muito curto, e os tempos são naturalmente muito próximos, qualquer décimo perdido faz uma enorme diferença, e assim Rafael não conseguiu mais que o 32º lugar no grid da primeira corrida da etapa.

Por decisão estratégica, o piloto da ProGP abriu a disputa deste domingo nos boxes. A corrida foi bem equilibrada, mas também muito conturbada, com duas intervenções do safety-car. Suzuki fez uma prova limpa, mas não conseguiu explorar todo o potencial do seu carro justamente pela falha no sistema de freios, e por isso mal pode usar o push-to-pass. Além disso, um problema no rádio o deixou sem comunicação com os boxes. Mesmo adotando uma postura mais conservadora, Rafael ganhou muitas posições e terminou em 19º, na zona de pontuação.

Para a segunda corrida, Suzuki continuou com os problemas nos freios, e por isso não teve condições de arriscar muito. Desta forma, o piloto concluiu a disputa em 18º lugar. Depois deste fim de semana, o foco de Rafael já está na próxima etapa da Stock Car, que será disputada em duas semanas também em terras gaúchas, em Santa Cruz do Sul, circuito onde o novato pontuou pela primeira vez na temporada.

Rafael Suzuki:

“Desde a sexta-feira tivemos dificuldades. Esse fim de semana foi a minha primeira vez no Velopark, e as coisas não saíram como planejamos. Hoje, na corrida, sofri muito com o superaquecimento do freio, que perdeu muita eficiência. Tive de começar a frear antes, e isso prejudicou nossa performance. Mesmo assim, terminar nos pontos foi positivo e um lucro.”

Gasolina na veia galera!